‘Cicatrizes em todas as ruas’: o campo de refugiados onde gerações de palestinos perderam o seu futuro

Por que publicar essa matéria? Porque ela nos mostra como a visão de mundo eurocêntrica age em todo o mundo, desde o século XVI. E a similitude com nossa realidade está na mesma ação de como os franceses e os ingleses manipularam na criação do estado de Israel em 1948, sendo o mesmo que os ditadores militares brasileiros fizeram no início dos anos 70 com os povos da Amazônia, todo o centro oeste e o Cerrado. Repetiu-se o que os ibéricos fizeram com o continente da América do Sul no século XVI com suas capitanias hereditárias dos portuguesas e as ‘encomiendas’ dos espanhóis. Leia mais

PFAS fecha fazendas do Maine. Agora, alguns estão se recuperando

Observar o que se está fazendo para tentar resolver o horror dos ‘forever chenicals’. E logicamente não se está buscando recursos com os meritocratas e empreendedores que tanto sucesso=dinheiro têm acumulado com a tragédia pública. Mas não tem problema… o dinheiro da sociedade vai ser desvidado de proejtos que beneficiariam a população para resolver o que o neoliberalismo e o supremacismo branco eurocêntrico vêm causando à Humanidade! Leia mais

Crônica de uma angústia planetária

É. Ler, refletir e ver onde se está nessas “corredeiras e se aproximando das cachoeiras”. “E constatar como estamos à deriva em meio a essa catástrofe em câmera lenta é repugnante”. “Mas estamos desamparados, apenas observando o mundo descendo …” Leia mais

A maioria dos hambúrgueres, bifes, frango e carnes vegetais contém microplásticos, revela estudo

E então? Será que ainda se pode ter quaisquer reticências em relação à proibição definitiva de TODAS AS RESINAS PLÁSTICAS?! Parece que não. E após sua proibição, incluindo a produção, a sociedade irá graditivamente decidir em que áreas e em que formas elas poderão ser retomadas com todo o cuidado para que jamais retornem a entrar em contato displicentemente com todos os ambientes do Planeta. Loucura? Mas atingirmos todos os seres vivos com síndromes derradeiras não é uma locura muitíssimo maior? Leia mais

Os microplásticos estão por toda parte: é possível reduzir a nossa exposição?

Chegamos num ponto de loucura geral que nem conseguimos como esse texto que acaba ‘tentando’ colocar em dúvida a imediata troca plástico pelo vidro, separar o que seria realmente “ecológico=saúde de todos, seres e ‘ambiente'” e o status quo de não mudar nossos vícios de comodidade, praticidade desperdício e negligência que os plásticos trouxeram ao consumismo e ao capitalismo típicos da ideologia do supremacismo branco eurocêntrico. Leia mais